(35) 3713 - 1352 Segunda - Sexta 08:00 - 18:00

Os resultados recentes do Relatório Anual de Aquecimento Solar da AIE destacam o Brasil como um dos líderes em aquecimento solar. Além disso, essa fonte virtualmente infinita tem se tornado cada vez mais difundida e barata nos diferentes setores da economia. Descubra a seguir por que o aquecimento solar é o futuro do planeta.

1 – Porque o aquecimento solar está em alta no Brasil?

Atualmente, o Brasil ocupa o 3º lugar entre os países com maiores capacidades instaladas de coletores solares fechados e abertos para aquecimento solar.

O primeiro motivo para a popularidade do aquecimento solar no Brasil é seu preço. De acordo com o Relatório Anual de Aquecimento Solar 2017 da Agência Internacional de Energia, o país tem os menores custos de implantação por unidade familiar, tanto no para aquecimento de água para chuveiro quanto piscinas.

A grande aptidão geográfica do Brasil em termos de insolação média anual é um dos fatores que contribuem para seu preço atrativo. No âmbito doméstico, o maior consumidor de eletricidade na maioria dos lares brasileiros é o chuveiro elétrico. Assim, o aquecimento solar tem se mostrado investimento seguro e atrativo, ajudando a diminuir significativamente a conta de energia logo após ter sido instalado.

A segunda razão é a crescente insegurança energética resultante das mudanças climáticas e escassez cada vez maior de chuvas, o que não enche os reservatórios das hidrelétricas o suficiente. Esse problema estrutural não tem solução de curto prazo, e a consequência disso é o investimento em fontes alternativas de energia em pequena escala.

2 – Que oportunidades se abrem para o mundo com o aquecimento solar?

Com o aumento da disponibilidade de informações confiáveis na internet, os consumidores têm se tornado cada vez mais bem informados. Mudanças de paradigma a respeito de meio ambiente, sustentabilidade e fair trade têm trazido maior exigência por mão de obra qualificada.

A energia solar, nesse sentido, ajuda a promover a inclusão social, pois está alinhada aos preceitos de sustentabilidade (ecologicamente correto, socialmente justo e economicamente viável).

Além da economia significativa promovida pela adoção do aquecimento solar, o aumento do uso desse tipo de fonte alternativa de energia abre espaço para a inovação e o empreendedorismo. Ainda que as tecnologias atuais já sejam muito baratas e de fácil aplicação, é possível melhorá-las, criando dispositivos mais eficientes e mais baratos.

De forma semelhante, ao adotar-se o aquecimento solar no processo produtivo, muitas empresas estão se deparando com o aumento da qualidade do produto final. A razão disso é a possibilidade de criar um projeto que atenda as necessidades individuais da família ou do empreendimento.

Todo projeto de aquecimento solar é elaborado caso a caso, sob medida. Assim, é necessário o envolvimento direto do cliente para delinear um sistema que atenda suas necessidades a contento. E para conhecer o perfil de consumo individual, é necessária uma reflexão a respeito dos gastos e processo envolvidos. Esse esclarecimento permite aos proprietários melhor alocação de recursos, tornando os processos mais eficientes e eficazes com o tempo.

3 – Quais setores da economia estão fazendo uso do aquecimento solar?

Os segmentos da construção civis e imobiliários como um todo têm beneficiado-se muito da instalação de aquecedores solares. O primeiro no âmbito da eficiência energética de prédios, os chamados “prédios verdes”. E o segundo em função da valorização do imóvel no momento da venda, diferenciando-o perante um mercado extremamente competitivo.

A indústria, por sua vez, faz grande uso de água quente, principalmente para a manutenção e limpeza de seus equipamentos. A crescente preocupação com a sustentabilidade ambiental, e não apenas financeira e econômica, dos processos produtivos tem conduzido os gestores a optarem por sistemas de aquecimento solar.

Outro setor que tem se beneficiado enormemente do aquecimento solar é o agronegócio. A razão disso é o grande volume de água quente utilizado para a higienização e aquecimento na avicultura e suinocultura. A calefação é importante também em estufas de viveiros e frutas, além da água fervente ser constantemente usada para higienização e controle de pragas e doenças dos viveiros de plantas e animais.

Em todos os casos acima, as vantagens da implantação de um sistema de aquecimento solar são

  • Diminuição da dependência da rede pública de energia;
  • Cortes de custos com a conta de energia;
  • Maior sustentabilidade ambiental dos processos.

Como pudemos notar, o Brasil é um dos líderes mundiais em aquecimento solar. As razões disso passam por vocação geográfica e consequente baixo custo de implantação. Por outro lado, o setor pode expandir-se muito mais, e há oportunidades para inovação e ganhos significativos em qualidade e corte de custos em todo o processo produtivo ou unidade familiar.

Ajude-nos a mostrar por que aquecimento solar é o futuro do planeta! Comente aqui se você conhece algum outro setor da economia que use essa tecnologia. A SolarMinas agradece sua visita.

Deixe uma resposta

Fechar menu